Itália: Imagem resgatada do navio Costa Concordia é de Nossa Senhora de Fátima


Reuters - Imagem Resgatada do Costa Concordia

Reuters - Imagem Resgatada do Costa Concordia

Fátima, Santarém, 23 jan 2012 (Ecclesia) – O Santuário de Fátima confirmou hoje, em comunicado, que a imagem da Virgem Maria resgatada intacta este sábado do navio Costa Concordia, naufragado junto da ilha de Giglio, Itália, é “uma réplica da imagem da Capelinha das Aparições”.

A imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima foi recuperada por mergulhadores na capela do navio de cruzeiros, onde tinha sido colocado no dia de inauguração da embarcação, a 7 de julho de 2006.

“Em resposta a vários pedidos de informação, confirma-se que efetivamente a imagem recuperada da capela do navio de cruzeiros é a de Nossa Senhora de Fátima, do Santuário de Fátima em Portugal”, assinala um comunicado do serviço de informações da instituição, localizada na diocese de Leiria-Fátima e no distrito de Santarém, mais de 100 quilómetros a norte de Lisboa.

A imagem tinha sido adquirida no Santuário de Fátima pelos empresários proprietários do Costa Concordia, acrescenta o documento.

Este domingo, durante a recitação do rosário das 10h00, na Capelinha das Aparições, o padre Luciano Cristino, capelão do Santuário, anunciou, em português e em italiano, a recuperação da imagem da Virgem Maria, antes de saudar os sobreviventes e rezar pelos falecidos. O sacerdote solidarizou-se “com todos aqueles que mais sofrem com esta tragédia, em especial com os familiares dos passageiros falecidos ou ainda desaparecidos”, assinala o Santuário de Fátima.

O número oficial de vítimas do naufrágio é, neste momento, de 13 pessoas.

O ‘Apostolado do Mar’ da Igreja Católica na Itália manifestou, em comunicado, a sua “dor pelas vítimas e apreensão pelos desaparecidos”, elogiando o empenho das equipas de resgate e dos tripulantes que “cumpriram o seu dever com sentido de responsabilidade e dedicação”.

SISF/OC

Sobre Apostolado do Oratório

Blog oficial do Apostolado do Oratório dos Arautos do Evangelho, Associação Internacional de Direito Pontifício.
Esta entrada foi publicada em Nossa Senhora, Notícias e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta