Meditação do Primeiro Sábado de outubro 2018

IV  Mistério Gozoso
Apresentação do Menino Jesus no Templo e a Purificação de Maria
Luz e santidade que devem resplandecer em nós


Apresentação do Menino Jesus no Templo. Luis de Vargas. Museu de Belas Artes. Sevilha

Composição de Lugar

Para nossa composição de lugar imaginemos o amplo pátio interno do templo de Jerusalém, iluminado por um raio de sol esplendoroso que incide sobre um jovem casal que ali adentra: a Mãe leva ao colo o Filho recém-nascido, e o pai, uma cesta com um par de pombinhas.

 

Nossa Senhora e São José conduzem o Menino Jesus para ser oferecido ao Senhor. Pouco depois, o Divino Menino é recebido pelo velho Simeão, que o toma comovido em seus braços para apresentá-Lo a Deus.

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de outubro 2018”

Meditação do Primeiro Sábado de setembro 2018

IV Mistério Doloroso
Nosso Senhor carrega a Cruz às costas
Justos e pecadores carregam sua respectiva cruz

Introdução

No cumprimento de nossa devoção do Primeiro Sábado, tendo em vista a Festa da Exaltação da Santa Cruz celebrada no dia 14 de setembro, meditaremos o 4º Mistério Doloroso: Nosso Senhor carrega sua Cruz até o Calvário.

Jesus não recusa a cruz, abraça-a até com amor, sendo ela o altar destinado para que Ele consuma o sacrifício de sua vida pela salvação dos homens. A partir de então, essa mesma cruz passou a ser o símbolo da sua vitória sobre a morte e o pecado, o sinal de glória de todos aqueles que seguem o Cordeiro de Deus ao longo da história humana.

Jesus carregando a Cruz. Igreja Cristo dos Milagres de Lima, Perú

Resultado de imagem para nossa senhora de fatima chora arautos

Oração Preparatória

Ó Virgem Santíssima de Fátima, nossa Mãe e Corredentora que acompanhastes com indizível desvelo materno a via dolorosa de vosso Divino Filho rumo ao Calvário, alcançai-nos as graças necessárias para bem realizarmos essa meditação e dela colhermos todos os frutos para a nossa santificação, compreendendo o precioso valor do instrumento de sacrifício de Jesus, símbolo de glória e vida eterna para todos nós.

Amém

Clique acima e baixe o texto da Meditação

Grande fervor mariano na IX Peregrinação Nacional ao Santuário de Aparecida

Alegrei-me quando me disseram: “Vamos à Casa do Senhor”. Eis que nossos pés chegaram às tuas portas, ó Jerusalém!… (salmos 122, 1-2)

Pe. Jorge Gustavo Antonini, EP

O Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, para onde se volta continuamente o olhar de todos os brasileiros que têm fé, amanheceu ainda mais colorido e alegre neste último sábado, 11 de agosto. Mais de 10 mil peregrinos e membros do Apostolado do Oratório dos Arautos do Evangelho, vindos de centenas de cidades brasileiras, se reuniram para louvar a Rainha e Padroeira do Brasil.

Revestidos da capa laranja com a característica cruz dos Arautos, levavam em suas mãos o Oratório do Imaculado Coração de Maria.

Às 7h30 os peregrinos já se concentraram em frente à Tribuna Papa Bento XVI. A cerimônia teve início às 8 horas com a solene procissão de entrada da Imagem de Nossa Senhora Aparecida, recebida com entusiasmo pelos milhares de fiéis.

Pe. Dartagnam de Oliveira, EP em sua alocução

O Padre Dartagnan de Oliveira, dos Arautos do Evangelho, ressaltou, em suas palavras de acolhida, todo o alcance histórico daquele acontecimento. Disse o sacerdote:

“Aqui nós cumprimos uma promessa. Todos os que aqui se encontram, sejam religiosos arautos do evangelho, sejam as religiosas consagradas, os terciários, as famílias que portam o oratório, cumprimos a promessa, uma promessa feita a um menino. Um menino que quando era muito novo, na cidade de São Paulo, estava andando em um bonde. Chamava-se Plinio Corrêa de Oliveira.

Naquele bonde, pensando o que Deus quereria dele. Qual seria o seu caminho? Nesse momento, diante de si, de uma forma sobrenatural algo se abriu diante dele e ele viu um grande cortejo onde bispos, sacerdotes, religiosos, religiosas e fiéis se encontravam para iniciar um reino. Que reino seria esse? O Reino de Maria!

O menino Plinio em sua Primeira Comunhão

Esse menino, o pequeno Plinio, passou toda a sua vida recordando-se que um dia Nossa Senhora lhe tinha mostrado o caminho. O caminho para que Ela fosse glorificada.

E se hoje aqui nós nos encontramos, é para cumprir uma promessa. A promessa feita a um pequeno menino que um dia se tornou um grande varão. Um varão de fé, um varão de amor que fez com que sua obra, pelas mãos de Monsenhor João, pudesse glorificar a Nossa Senhora implorando que seu Reino fosse implantado na Terra.

Vamos então neste dia de hoje, cumprindo uma promessa, fazer um ato de agradecimento. Agradecermos a Nossa Senhora ter-nos dado esse menino, esse pequeno Plinio que transformou nossas vidas e nos trouxe até os pés de Nossa Senhora.”

Às 10h 30min teve início a Santa Missa presidida por Dom Benedito Beni dos Santos, Bispo Emérito de Lorena (SP). Em sua homilia, lembrou a importância da fé e a devoção a Nossa Senhora.

Dom Beni durante o sermão

“Estamos reunidos neste Santuário para prestar a Nossa Senhora nosso culto que nos aproxima cada vez mais do Cristo. (A Virgem Maria) favorece o culto, porque Ela tem uma relação especial com a Trindade. O Pai A escolheu e A preparou tornando-A cheia de graça. O Filho, Ela o concebeu em seu seio, para nos salvar. E o Espírito Santo foi quem concebeu o Filho, Ela era cheia de graça e por isso sempre foi plena do Espírito Santo”, declarou Dom Benedito Beni. (LMI)

Os devotos que chegaram na sexta-feira puderam participar da Celebração na Basílica Velha e da já tradicional e belíssima Procissão Luminosa, em direção à Basílica Nova.

A realização dessa Peregrinação é um dos pontos altos do nosso movimento, especialmente por seu caráter de comunhão eclesial, por ser a ocasião do encontro das centenas de paróquias onde o Apostolado do Oratório está presente.

Já estamos com os olhos postos no próximo ano, no qual faremos a nossa décima Peregrinação! Contamos desde já com a presença redobrada de toda família do Apostolado do Oratório para este momento tão importante. Prepare sua caravana!

 Veja fotos da Peregrinação.

Clique nas fotos para visualizá-las em tamanho grande

Juntos em Aparecida!

Faltam poucos dias para estarmos juntos e unidos aos pés de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil

Pe. Antonio Guerra, EP, Assistente Espiritual do Apostolado do Oratório

No sábado, 11 de agosto, nosso primeiro encontro será às 07h30 para a concentração diante da Tribuna Bento XVI onde recitaremos o Terço Solene, agradecendo a Nossa Senhora tantas graças, bençãos e favores recebidos durante esse último ano.

E cientes que a melhor maneira de agradecer é pedir mais, rogaremos à Padroeira do Brasil por nosso país, nossas famílias, pelo triunfo de seu Imaculado Coração no mundo todo, além, é claro, por todas as intenções pessoais dos peregrinos.

Em seguida, teremos a celebração da Santa Missa na Basílica.

Nossa ansiedade aumenta a cada dia por esse momento tão importante.

Com o desejo de encontrar a todos e a cada um na Casa de Nossa Mãe e Rainha, despeço-me com minha benção sacerdotal.

Em Jesus e Maria

Pe. Antonio Guerra, EP

Veja mais: Procissão Luminosa em Aparecida

Convite

Meditação do Primeiro Sábado de agosto 2018

4º Mistério Glorioso
Assunção de Nossa Senhora

A misericórdia que preenche os espaços entre o Céu e a Terra

Assunção de Nossa Senhora. Pinacoteca do Museu Vaticano, Roma – Itália

COROADA COMO RAINHA AO LADO DO REI

Em 1950 o Papa Pio XII proclamou o Dogma da Assunção de Nossa Senhora, declarando ser verdade revelada que a Virgem Maria “terminado o curso da vida terrena, foi assunta à glória celeste em alma e corpo”.

Suprema glória no Céu

Quem será capaz de expressar em palavras com quanta honra e com quanta alegria foi Maria recebida no Céu? Porque quanto maior graça alcançou Ela na Terra sobre todas as demais criaturas, outro tanto mais obtém também nos Céus de glória. E se o olho não viu nem o ouvido ouviu, nem cabe no coração humano o que tem Deus preparado para os que O amam, quem poderá dizer o que reservou Ele para Aquela que O engendrou e O amou mais que todos os homens?

“Louvor e glória ao Deus Altíssimo que vos conferiu, ó Maria, maior graça que a todas as filhas dos homens que no mundo existiram! ”, exclama o piedoso autor da “Imitação de Cristo”, acrescentando: “E logo colocou vosso assento junto ao trono de vosso Filho no Reino dos Céus, no lugar mais eminente, sobre todos os coros de Anjos e de Santos, que Ele vos havia preparado, com requinte de beleza, desde toda a eternidade.”

Esplendor superior ao de todos os astros do universo

No dia de sua Assunção, o esplendor de Maria superou ao do próprio sol e o dos outros astros do firmamento. Tendo sido Maria superior aos patriarcas na firmeza da fé, aos profetas na contemplação das coisas divinas, aos apóstolos no zelo da honra de Deus e do bem das almas, aos mártires na virtude da fortaleza, aos santos padres na sabedoria, aos confessores na paciência e na mansidão, às virgens na pureza e a todos na santidade, havendo correspondido em grau eminentíssimo à graça e praticado todas as mais preciosas virtudes, por isso, no dia de sua Assunção, apareceu Ela com vestido bordado de ouro, engalanada com vários adornos, sentada à direita do Altíssimo e coroada Rainha de todos os Santos.

clique acima e baixe o texto da Meditação

Veja também: Como rezar bem o Rosário

Cerimônias de devoção do Primeiro Sábado pelo Brasil

Coordenadores e participantes do Apostolado do Oratório de todos os recantos do Brasil fizeram subir suas orações, súplicas e pedidos, como agradável perfume aos pés da Santíssima Virgem nas celebrações da comunhão reparadora do Primeiro Sábado

Mesmo mantendo a essência dessa devoção, cada comunidade e paróquia tem suas características, suas particularidades, seus costumes e seu cerimonial. Tudo isso é proveniente  das salutares diferenças culturais e geográficas próprias à dimensão e extensão de nosso querido país.

Entretanto, há algo que une a todos: o amor, o carinho, o afeto, a gratidão a Nossa Senhora e o entusiasmo em atender prontamente o pedido feito pela Mãe de Deus em Fátima, qual seja: A realização da Comunhão Reparadora dos Primeiros Sábados.

Desde a fundação do Apostolado do Oratório essas cerimônias são realizadas por todo o Brasil.

Paróquia Santa Teresa de Ávila em Santa Teresa do Oeste/PR

Temos a certeza que essa manifestação de amor filial toca profundamente o Imaculado Coração de Maria, trazendo para si, para suas famílias e para a nossa nação, bençãos, graças e intercessão da Mãe de Deus, a qual afirmou em Fátima à irmã Lucia:

“Olha, minha filha, o Meu Coração cercado de espinhos, que os homens ingratos a todos os momentos Me cravam com blasfêmias e ingratidões. Tu, ao menos, vê de Me consolar, e dize que todos aqueles que, durante cinco meses, no primeiro sábado, confessarem-se, recebendo a Sagrada Comunhão, rezarem um Terço, e Me fizerem quinze minutos de companhia, meditando nos mistérios do Rosário, com o fim de me desagravar, Eu prometo assistir-lhes, na hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação dessas almas”

Paróquia São Judas Tadeu – Palhoça/SC
Paróquia Sagrado Coração de Jesus em São Luis/MA
Paróquia Santa Rita e São Sebastião em Cruzeiro/SP
Clique nas fotos abaixo para visualizá-las em tamanho grande

Veja também:

Benefícios da Devoção do Primeiro Sábado

Como rezar bem o Rosário