“Tudo lhe ofereço Senhor”. Foi este o lema de sua vida

A exemplo do Sol da sua vida, que foi a Eucaristia, ela foi uma vítima imolada por Ele, como uma leiga comprometida com a Igreja, primeiro, e como uma religiosa de clausura depois. “Eu me ofereci como uma pequena vítima pelos sacerdotes “, disse ela uma vez

Pe. Rafael Ramón Ibarguren Schindler*, EP

Maria Felicia de Jesus Sacramentado: assim se chamava seu nome de religião da jovem Carmelita Descalça beatificada em Assunção, Paraguai, em 23 de junho, cujo encontro final com o Senhor se deu nos seus jovens 34 anos de idade, em 28 de abril de 1959. Em seu país natal, todos a chamam “Chiquitunga”; como ela foi apelidada por sua família e em seus círculos sociais.

Sua espiritualidade, simples e penetrante, vai direto ao essencial sem grandes desvios, e está de consonância com os voos místicos das três grandes Teresas: a Santa Madre Teresa de Jesus, Santa Teresa do Menino Jesus e Santa Teresa dos Andes. Maria Felicia de Jesus Sacramentado, continua o caminho aberto por elas, especialmente pela de Ávila, a grande reformadora do Carmelo.

Santa Teresa de Ávila na gloria. (Novelli)

Como as três, a nova Beata também deixou escritos de profundo sentimento cristão e Carmelita. “Tenho sede de uma entrega total”, escreveu ela. Quanta coisa está dita nesta frase tão curta! Este é um ideal de vida, o mais sublime que possa imaginar.

No blog “Amigos de Carmelo Teresiano” se colhe uma declaração muito bonita sobre ela: “sua vida foi uma missa, na escuta da Palavra, no ofertório, como consagração e como comunhão “. Sobre sua a morte, escreveram: “Se não fosse por este Pão, este Pão da Vida, Eu não sei o que eu teria sido “. Jesus Sacramentado, de quem ela tomou o nome, foi sua força, junto com Maria, a quem foi consagrada como escrava de amor.

Chiquitunga escreveu uma curta história de vida que foi publicada pelas Carmelitas Descalças do Paraguai sob o título “Diário Intimo”. Também conhecemos alguns poemas de simplicidade encantadora e densidade teológica, bem como 61 cartas escritas de sua própria mão.

Em seus escritos, palpita um amor apaixonado de uma combatente. Ela não concebeu o existência vivida na mediocridade. Na verdade, para qualquer batizado se pede integridade e não meias medidas; mas ela foi uma das poucas a alcançar essa coerência consumada, renunciando ao amor humano e promessas de bem-estar pessoal e prestígio social, que tantas vezes o mundo nos apresenta, enganosamente, como uma alternativa.

Fotos: www.irmascarmelitas.com.br

 Não é o caso de retratar nessas linhas uma vida inteira que, embora curta, era fecunda. Apenas deixo transcrito aqui alguns versos que mostram seu perfil eucarístico. São sem rimas e sem pretensão, mas muito profundos. Não são para nenhuma erudição acadêmica ou literária; são versos de uma criança ou um menina … daqueles que entram – e só eles – no Reino dos Céus.

“ A hostia elevada, com uma transparência limpa, com um brilho divino irradia no altar; Eu quero que minha vida, trocada as substâncias, qual hostia consagrada, deixe atrás de si um caminho de intensa claridade. “

“ Eu quero que em sacrifício, como uma vítima imolada, minha vida se consuma em santa claridade! Senhor, pela hóstia pura, o Pão da Vida Eterna e o Cálice do Sangue da nossa Redenção, conceda àqueles unidos assim nós vos imploramos. Perdão dos nossos pecados e salvação eterna. Meu senhor e Deus meu! “ 

Se pode dizer algo mais transcendente com tanta precisão e ingenuidade? Estamos diante de um modesto, porém verdadeiro tratado sobre teologia eucaristia, acessível a todos, de quem está recebendo a catequese para Primeira Comunhão ou do teólogo familiarizado com a ciência divina.  “Tudo lhe ofereço Senhor”, foi o lema que ela imprimiu em seus escritos como uma fórmula química “T2OS” (T ao quadrado OS). Neste sinal se resumiu a radicalidade de seu ideal.

A palavra “Tudo” não admite relativizações; Tudo é tudo e ponto final! Entretanto, o “Tudo ao quadrado” é uma excelência que pode significar por si, a totalidade. É como dizer: absolutamente tudo, de agora em diante, sem apelo e para sempre.

Então segue a noção de “oferta”, uma palavra que significa sacrifício, holocausto, imolação, destruição… Eucaristia. Como o incenso que se queima ao ser derramado em brasas, ou como a cera que se derrete ao calor do fogo; é assim que ela queria ser e assim ela foi.

E, finalmente, a razão de ser de uma oferta tão generosa: “O Senhor”.

Que a ardente beata interceda pela comunidade carmelita de Assunção com quem ela compartilhou os últimos anos de sua vida e por todas as carmelitas descalças do mundo, suas irmãs de hábito; para a Igreja do Paraguai e por seu país natal que ela tanto amava. Finalmente, por todos os cristãos do orbe, que se esforçam para cumprir os propósitos batismais entre os quais, este, tão primordial: adorar a Jesus no Santíssimo Sacramento do altar.

Assunção, julho de 2018

_________________

*Conselheiro de Honra da Federação Mundial das Obras Eucarísticas e da Igreja.
Publicado em A palavra do sacerdote, Datas comemorativas, Espiritualidade, , Nosso Senhor Jesus Cristo, Sem categoria, Verdades eternas, Vida de Santos | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Cursos Preparatórios para a Consagração a Nossa Senhora

Todo grande acontecimento deve ser precedido por uma cuidadosa preparação

Ir. Alcidio Miranda, EP

Aula no salão paroquial da Paróquia São Benedito em Itaperuna/RJ

Para a realização da consagração a Nossa Senhora não pode ser diferente. Por esse motivo, o Apostolado do Oratório vem promovendo, apoiando e ministrando em todo o Brasil o Curso de Preparação para a Solene Consagração a Jesus Cristo, a Sabedoria Encarnada, pelas mãos de Maria.

Esse curso é dividido em oito aulas, ao longo das quais os fiéis estudam o Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem, do grande São Luis Maria Grignion de Montfort, eminente propagador dessa devoção.

Grupo de consagração na Paróquia São Paulo Apóstolo em Sorocaba/SP

Os missionários do Apostolado do Oratório já ministraram esse curso em inúmeras paróquias. Veja fotos abaixo.

O Apostolado do Oratório está à disposição de todos os grupos que desejarem fazer essa Consagração. Para mais informações pedimos entrar em contato conosco através do e-mail abaixo, informando sua cidade/UF e paróquia à qual pertence seu grupo.

[email protected]

clique nas fotos abaixo para visualizá-las em tamanho grande

Veja também: Consagração a Nossa Senhora em Foz do Iguaçu/PR

Consagração a Nossa Senhora na Basílica do Arautos do Evangelho

Publicado em Arautos do Evangelho, Atividades, Consagração, Curso de Consagração, Espiritualidade, , Nossa Senhora, Nosso Senhor Jesus Cristo, Notícias, Sem categoria, Tratado | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Nossa Senhora do Carmo

Em 16 de julho celebra-se a Festa de Nossa Senhora do Carmo, cujas primeiras devoções remontam a discípulos de Santo Elias por volta do ano 800 AC. Mas foi o Papa Papa Inocêncio IV em 1247, que aprovou a regra e a constituição da Ordem do Carmo

Paroquia dos Santos Mártires – Málaga, Espanha

A Ordem do Carmo é o símbolo da vida contemplativa, da busca incessante da graça de Deus. Carmelo em hebreu significa “pomar bem cultivado”, “jardim fértil” e “vinha de Deus”.

Em suas fileiras, ao longo dos séculos floresceram inúmeras almas santas, entre elas: São Simão Stock, Beato Francisco Palau, Santa Teresa de Ávila, São João da Cruz, Santa Terezinha do Menino Jesus, Santa Edith Stein, entre outros.

A tradição da Ordem põe nos lábios de São Simão Stock a autoria de uma linda oração à Virgem Maria. O texto mais antigo conhecido encontra-se no Officium rhythmicum, manuscrito guardado na biblioteca universitária de Cambridge e que foi escrito depois do ano de 1507.*

Esta oração é o Hino ‘Flos Carmeli’, atribuído, portanto, a São Simão Stock (1165-1265), o qual foi entoado originalmente pelos carmelitas para a festa desse santo e, desde 1663, para a Festa de Nossa Senhora do Monte Carmelo.

Fátima e a Ordem do Carmo

Há pouco celebramos o centenário das Aparições de Fátima. Lembramos que na última das aparições, em 13 de outubro, Nossa Senhora se mostrou como Nossa Senhora do Carmo**, conforme descrito pela Ir. Lúcia:

“(…)Junto ao sol apareceu a Sagrada Família: São José, com o Menino Jesus nos braços, e Nossa Senhora do Rosário. Traçando três vezes no ar uma cruz, São José abençoou o povo e o Menino Jesus fez o mesmo…Em seguida, apareceu Nossa Senhora do Carmo, coroada Rainha do Céu e do Universo, com o Menino Jesus ao colo.(…)”

A devoção dos Arautos do Evangelho à Virgem do Carmo é tão entranhada, que o nome dado à sua ordem clerical foi de Sociedade Clerical Virgo Flos Carmeli.

Vale a pena também lembrar que foi na Basílica do Carmo em São Paulo, no ano de 1967, que o fundador dos Arautos, Mons. João Scognamiglio Clá Dias, encontrou pela primeira vez a Dr. Plinio Corrêa de Oliveira, o qual foi seu mestre, orientador e formador de sua vocação e missão.

Recepção de hábito/escapulário de novos seminaristas dos Arautos

Eis algumas das razões que unem os Arautos à Ordem do Carmo e por isso são revestidos do Escapulário, além de promoverem sua devoção e seu uso.

Peçamos, nesta data tão importante que a Virgem do Carmo, Rainha do Céu e da terra, ouça nossas súplicas e realize o quanto antes sua promessa em Fátima:

“Por fim, o meu Imaculado Coração Triunfará!”

Acompanhe abaixo a letra e a melodia do belíssimo cântico, o ‘Flos Carmeli’.  

             

(clique abaixo para ouvir)

Flor do Carmelo Vinha florida, esplendor do Céu, Virgem fecunda, és singular

Doce e bendita, ó Mãe puríssima, aos carmelitas, sê tu propícia, Estrela do Mar

Raiz de Jessé, de brotos floridos, queiras, feliz, ao céu pelos séculos nos elevar

Entre os abrolhos, viçoso lírio, guarda de escolhos, o frágil ânimo, Mãe tutelar

Forte armadura Frente o adversário, Na guerra dura, o escapulário vem nos guardar

Nas incertezas, conselho sábio; nas asperezas, consolo sólido queira nos dar

Veja também: Oração para alcançar o amor da Virgem do Carmo

_____________________

* http://carmeloemmissao.blogspot.com.br/2011/06/flos-carmeli-flor-do-carmelo.html
** MONS. jOÃO SCOGNAMIGLIO CLÁ DIAS, Por fim, o meu Imaculado Coração Triunfará. Instituto Lumen Sapientiae, São Paulo, 2017, cap. 7, pag. 76.
Publicado em Arautos do Evangelho, Datas comemorativas, Espiritualidade, , Hinos Marianos, Monsenhor João Clá Dias, Nossa Senhora, Plinio Correa de Oliveira, Verdades eternas, Vida de Santos | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

No mês de junho, novos grupos de Oratório

“Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre. 
 Donde me vem esta honra de vir a mim a Mãe de meu Senhor?” (Lc, 1, 42-43)

Visita da Imagem Peregrina a uma família em São Francisco do Sul

Com a graça de Nossa Senhora a Cavalaria de Maria, em seu incansável labor missionário, implantou no mês de junho novos grupos do Apostolado do Oratório nas seguintes cidades: Florianópolis/SC, São José/SC, São Francisco do Sul/SC e Lutecia/SP.

Assim, mais de duas mil famílias passaram a receber mensalmente em seus lares a benfazeja visita do Oratório da Santa Mãe de Deus.

Rendamos graças ao Altíssimo por esse inestimável dom.

Seguem algumas fotos das Missões

Lutecia/SP Par. Nossa Senhora da Boa Esperança. Pe. Luis Fernando

Florianópolis/SC Par. Santo Antonio e Santa Maria Goretti. Pe. Jeferson Francisco

 

 

 

 

 

 

São Francisco do Sul/SC Par. Santa Paulina. Pe. João Brolini

São José/SC Par. Santa Cruz. Pe. Dyego Delfino

 

 

 

 

 

 

 

Clique nas fotos abaixo para visualizá-las em tamanho grande

Veja também: IX Peregrinação Nacional ao Santuário de Aparecida

Publicado em Arautos do Evangelho, Atividades, Famílias do Oratório, , Missão, Nossa Senhora, Nosso Senhor Jesus Cristo, Sem categoria | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Cerimônias de devoção do Primeiro Sábado pelo Brasil

Coordenadores e participantes do Apostolado do Oratório de todos os recantos do Brasil fizeram subir suas orações, súplicas e pedidos, como agradável perfume aos pés da Santíssima Virgem nas celebrações da comunhão reparadora do Primeiro Sábado

Mesmo mantendo a essência dessa devoção, cada comunidade e paróquia tem suas características, suas particularidades, seus costumes e seu cerimonial. Tudo isso é proveniente  das salutares diferenças culturais e geográficas próprias à dimensão e extensão de nosso querido país.

Entretanto, há algo que une a todos: o amor, o carinho, o afeto, a gratidão a Nossa Senhora e o entusiasmo em atender prontamente o pedido feito pela Mãe de Deus em Fátima, qual seja: A realização da Comunhão Reparadora dos Primeiros Sábados.

Desde a fundação do Apostolado do Oratório essas cerimônias são realizadas por todo o Brasil.

Paróquia Santa Teresa de Ávila em Santa Teresa do Oeste/PR

Temos a certeza que essa manifestação de amor filial toca profundamente o Imaculado Coração de Maria, trazendo para si, para suas famílias e para a nossa nação, bençãos, graças e intercessão da Mãe de Deus, a qual afirmou em Fátima à irmã Lucia:

“Olha, minha filha, o Meu Coração cercado de espinhos, que os homens ingratos a todos os momentos Me cravam com blasfêmias e ingratidões. Tu, ao menos, vê de Me consolar, e dize que todos aqueles que, durante cinco meses, no primeiro sábado, confessarem-se, recebendo a Sagrada Comunhão, rezarem um Terço, e Me fizerem quinze minutos de companhia, meditando nos mistérios do Rosário, com o fim de me desagravar, Eu prometo assistir-lhes, na hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação dessas almas”

Paróquia São Judas Tadeu – Palhoça/SC

Paróquia Sagrado Coração de Jesus em São Luis/MA

Paróquia Santa Rita e São Sebastião em Cruzeiro/SP

Clique nas fotos abaixo para visualizá-las em tamanho grande

Veja também:

Benefícios da Devoção do Primeiro Sábado

Como rezar bem o Rosário

Publicado em Arautos do Evangelho, Atividades, Datas comemorativas, Espiritualidade, Fátima, , meditação, Nossa Senhora, Nosso Senhor Jesus Cristo, Notícias, primeiros sábados do mês, Rosário, Sem categoria, Verdades eternas | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 3 comentários

Curso de Consagração a Nossa Senhora na sede do Apostolado do Oratório

Já estão abertas as inscrições. O início das aulas será em agosto, conforme o Convite abaixo

Ir. Felipe Lecaros, EP

Uma grata e abençoada rotina

O Apostolado do Oratório vem promovendo o Curso preparatório para a Consagração a Nossa Senhora, segundo o método de São Luis Grignion de Montfort, em várias cidades do Brasil. Mas em nossa sede, em São Paulo, este Curso já vem sendo realizado desde 2010. Já são mais de mil e duzentas pessoas que participaram e se consagraram.

O Curso constará de oito encontros, onde será estudado o “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem”. As aulas serão ministradas na Casa Nossa Senhora Consolata, sede do Secretariado Nacional do Apostolado do Oratório.

Aula na Sede do Secretariado Nacional do Apostolado do Oratório

A cerimônia solene de Consagração será realizada durante a Santa Missa na Basílica Nossa Senhora do Rosário, pertencente aos Arautos do Evangelho.

Foto da última cerimônia de consagração na Basílica de Nossa Senhora do Rosário dos Arautos do Evangelho

São Luís Maria Grignion de Montfort, autor do Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem e grande propagador da Consagração a Nossa Senhora como escravo de amor, bem explicitou a alma e a intenção desta consagração nas palavras abaixo:

“Minha querida e amadíssima Mãe, se for possível,  fazei com que eu não tenha outro espírito a não ser o vosso para conhecer Jesus Cristo e os seus desejos divinos; que não tenha outra alma a não ser a vossa para louvar e glorificar o Senhor; que não tenha outro coração a não ser o vosso para amar Deus com caridade pura e ardente como Vós”.

Ser filho e filha e, também, escravo de amor à Santíssima Virgem, traz consigo inúmeras graças, bençãos e favores espirituais, conforme as palavras do Papa São João Paulo II:

“Não há nada entre os cristãos que faça pertencer de maneira mais absoluta a Jesus Cristo e à sua Santa Mãe como a escravidão da vontade, segundo o exemplo do próprio Jesus Cristo, que assumiu a condição de escravo por amor a nós. (cf. Fl 2, 7)”

***

Para quem desejar se matricular ou obter mais informações, os dados de contato estão no convite acima.

Veja a seguir algumas fotos de cursos realizados anteriormente na sede do Apostolado do Oratório.

clique nas fotos abaixo para visualizá-las em tamanho grande

Veja mais: Consagração a Nossa Senhora

Publicado em Arautos do Evangelho, Atividades, Consagração, Curso de Consagração, Espiritualidade, , Nossa Senhora, Nosso Senhor Jesus Cristo, Sede do Apostolado do Oratório/SP, Tratado, Verdades eternas | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário