Meditação do Primeiro Sábado de janeiro 2020


Ao iniciarmos um novo ano de meditações para a Comunhão Reparadora do Primeiro Sábado, atendendo ao pedido de Maria Santíssima em Fátima, vamos considerar o 2º Mistério Gozoso do Rosário: A Visitação de Nossa Senhora a Santa Isabel. Logo depois de receber o anúncio de que seria a Mãe do Salvador, Maria apressou-se em visitar sua prima Isabel que, segundo a palavra do Anjo, encontrava-se no sexto mês da gestação de São João Batista, o Precursor. Nesta visita, reluziram os exemplos marianos de caridade e de humildade que somos chamados a imitar.

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de janeiro 2020”

Meditação do Primeiro Sábado de dezembro/2019


III Mistério Gozoso
Nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo

Na Gruta de Belém tocam-se o Céu e a terra

 


Introdução

Aproxima-se uma vez mais o Santo Natal. Assim, dedicaremos a nossa devoção da Comunhão Reparadora do Primeiro Sábado, pedida por Nossa Senhora em Fátima, a considerarmos o 3º Mistério Gozoso do Rosário: O Nascimento de Jesus em Belém. No despojamento de uma gruta veio ao mundo Aquele “que os Céus não puderam conter”, o próprio Filho de Deus, nove meses depois de se fazer carne no seio imaculado da Virgem Maria. Veio para nos resgatar do pecado e abrir novamente para nós as portas da eterna bem-aventurança.

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de dezembro/2019”

Meditação do Primeiro Sábado de novembro 2019


V Mistério Luminoso
A instituição da Sagrada Eucaristia
Alimento para nossa santificação

 


Introdução

Meditaremos hoje o 5º Mistério Luminoso do Rosário — A instituição da Sagrada Eucaristia –, em cumprimento de nossa devoção da Comunhão Reparadora do Primeiro Sábado, pedida pela Mãe de Deus em Fátima. Neste mês de novembro celebramos a Festa de Todos os Santos, quando a Igreja recorda aqueles que, conhecidos ou não, alcançaram a glória celestial.

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de novembro 2019”

Meditação do Primeiro Sábado de agosto 2019

V Mistério Glorioso
Coroação de Nossa Senhora no Céu
Rainha e Mãe de Misericórdia

Composição de Lugar

Com os olhos da imaginação montemos um grandioso cenário de uma festa no Céu, como talvez já tenhamos visto em gravuras e pinturas: uma multidão de Anjos e Santos circundando os tronos do Pai, do Filho e do Espírito Santo, e o trono onde está sentada Maria Santíssima. Ela se curva diante da Santíssima Trindade, que lhe deposita sobre a cabeça uma coroa resplandecente de luz, enquanto o Céu inteiro entoa um hino de louvor e de glória à nossa Rainha.

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de agosto 2019”

Meditação do Primeiro Sábado de maio 2019

III Mistério Glorioso

Descida do Espírito Santo sobre Nossa Senhora e os Apóstolos

Chamados a renovar a face da terra

Pentecostes – Catedral de Santa Maria La Real – Pamplona – Espanha

Composição de Lugar

Façamos nossa composição de lugar imaginando a sala onde os Apóstolos de Jesus estão reunidos, juntamente com Nossa Senhora, “perseverando em oração”.

Ali recolhidos, esperam o cumprimento da promessa de Jesus, que lhes enviaria o Espírito Santo. Em determinado momento, eles ouvem um grande ruído semelhante ao de uma forte ventania. Surpresos, veem surgir pequenas labaredas sobre suas cabeças.

Logo se sentem transformados, cheios de Fé, de amor a Deus e de entusiasmo pela missão que o Senhor lhes confiara.

 


Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de maio 2019”

Meditação do Primeiro Sábado de abril 2019

V Mistério Doloroso
Crucifixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo

A morte de Jesus é nossa vida

Deformado e ainda mais belo

Tão assustadora é a sagrada figura do Redentor nesse estado que Ele causa horror a quem O vê no alto do Gólgota, pronto para ser imolado.

Entretanto, afirma Santo Afonso, essa deformidade O faz parecer mais belo ainda aos olhos das almas que O amam, já que aquelas chagas, aquelas pisaduras, aquelas carnes dilaceradas são provas e sinais do amor que Ele nos tem.

Sim, porque aquela deformidade de Jesus crucificado foi a causa da beleza de nossas almas que, até então disformes, lavadas no seu precioso sangue, tornaram-se graciosas e belas, segundo o que escreve São João:

“Esses que estão revestidos de estolas brancas, quem são e donde vieram? São os que vieram de uma grande tribulação e lavaram as suas vestes e as embranqueceram no sangue do Cordeiro” (Ap 7,13).

Continue lendo “Meditação do Primeiro Sábado de abril 2019”